sexta-feira, abril 14, 2006

Crucificação



O mistério da rosa lilás

A Sexta-feira da Paixão é uma data cósmica. Nos éteres planetários existe uma gigantesca cruz de luz branca, de cujo centro brota e aos poucos desabrocha um imenso botão de rosa lilás, a cada Sexta-feira Santa.Ao meio dia, essa rosa alcança o ápice do desabrochar e, de seu interior, emana o néctar da Misericórdia e Compaixão.
Seu doce perfume envolve todo planeta e cada criatura. Essa doce radiação, que vem das profundezas do Coração do Cristo Crucificado, tudo abençoa, redime e transforma.Da mesma forma que há dois mil anos o Cristo foi traído, criticado, hostilizado, julgado e condenado, continuamos a cometer atrocidades semelhantes contra o nosso Cristo Interior e contra o Cristo em nossos semelhantes.
A crucificação do Cristo Interior acontece sempre que confiamos no mundo exterior, ou seja, no dinheiro, remédios, oráculos e toda sorte de absurdos. Acontece quando nos esquecemos do poder total e único do nosso Cristo Interior.Ao deixarmos de confiar na vida, a centelha Crística que nos habita, acreditamos que: “eu não sou, eu não tenho, eu não posso, eu estou doente etc”, assim retirando o poder da Divindade que somos, que é saúde plena e a fonte de toda sabedoria, riqueza e abundância, que é Senhor do nosso mundo, nosso mestre interior, o nosso guia.
Cada pensamento de separatividade, de desamor, cada palavra de crítica ou julgamento é um espinho que fincamos na cabeça do Cristo em nossos semelhantes. Cada pensamento ou palavra de desconfiança ou condenação que emitimos contra alguém é mais um prego crucificando o Cristo naquela pessoa.
Quando o homem põe fogo na terra, queimando e devastando árvores e seres vivos indefesos, a pródiga Mãe Natureza envolve todos esses erros com seu manto de misericórdia e, generosamente, manda a chuva que apaga o fogo. E faz brotar, da devastação, flores belas e perfumadas.Semelhantemente, dos éteres planetários onde permanece a cruz, do centro do coração crucificado, Deus-Mãe faz brotar essa rosa lilás que desabrocha em misericórdia e regeneração para toda a humanidade.
Conectando-se com este Centro de Transmutação, cada um de nós pode voltar-se para o Cristo Interior e, com a ação balsamizante do perfume da rosa lilás, retirar os espinhos e pregos, e regenerar o Cristo em nós e em cada pessoa, devolvendo-lhe todo o amor, poder, confiança e devoção.Então, no Domingo de Páscoa, todos podemos desfrutar da Chama da Ascensão, entrando na plena consciência de “Eu Sou a Ressurreição e a Vida”.

Lucia Helena dos Santos

sábado, abril 01, 2006

Cidade das luzes...


Paris...
Cidade encantadora pela sua beleza, desde a sua arquitetura
avenidas, bem como os seus fantásticos museus!

Cidade romântica, emocionante, histórica,
vibrante, elegante, onde se respira o
melhor ar do Mundo!

Paris...Inesquecível
Faz bem a alma, sentindo e vivendo intensamente a sua arte!

Torre Eiffel...
uma metáfora para a sede de conquista do Homem!

Espero voltar a subir a torre...para o reencontro de sensações!

Para a arte de quem fuma cachimbo...
acompanhando cognac...não pode perder
o museu do vinho, com degustação de queijos e
prova de vinhos.

Para quem aprecia orquestras ou óperas inesqueciveis,
a não perder, Ópera Ganier...

Muito mais haveria para dizer...
no entanto, numa só palavra...Inesquecível!!!

Kaiser...


A importância que lhe queremos dar....

Kaiserpfalz- palácio do Imperador em Goslar na Alemanhã
Kaiser - Imperador Alemão







Kaiser - cerveja no Brasil - Bahia



















Foto da Bahia
Kaiser...é uma questão de perspectiva!
Sei que nunca irei esquecer este nome...
Imperador! Cerveja! Ilusão!
O melhor de tudo foi mesmo
a cervejinha fresquinha em pleno Verão!!!

sexta-feira, março 31, 2006

O sorriso deste fantástico povo!!!


Foto na Bahia

Um sorriso...
Um sorriso não custa nada
e produz muito.
Enriquece quem o recebe
sem empobrecer quem o dá.
Ninguém é tão rico
que não precise dele,
e ninguém é tão pobre
que não possa oferecer.

Um sorriso
dá repouso ao cansaço
e ao desânimo, renova a coragem,
e é a consolação na tristeza.
Ninguém necessita mais
de um sorriso
do que aquele
que não sabe sorrir!

Aprendam.... chorando, a sorrir!!!

O meu Regresso!!!


Foto da Bahia

As minhas pegadas na areia...

São mesmo as minhas...
Depois de perdida, sem vida, sem alma
apenas o vazio me acompanhava...

Com sofrimento, dor, angustia, tristeza, revolta,
e tudo o que nos faz perder a vontade de viver...

Hoje...Regresso!!
Encontrando o meu caminho...a minha direcção..o meu rumo...
a minha liberdade!!

Sorria...chorando!! Hoje, sorrio...sorrindo...








sexta-feira, janeiro 20, 2006

És tu...minha alma!


Foto de Rui Pedro

Levantas-me o queixo.
Vês-me o olhar, e roubas-me a alma. Sou tua!
Os teus olhos são duas estrelas brilhantes, humidas pela emoção.
Vejo o teu peito num ritmo acelerado...
parece que te salta o coração....
aflijo-me...
adivinho uma intensidade que não sei se saberei conter....
quero estar contigo, sentir o teu ritmo, o teu corpo junto ao meu,
mãos entrelaçadas tentadas que estão pelo corpo um do outro.
Sinto o teu calor, estremeço.
Sinto-te.

Já não temos roupa...
não me lembro de alguma vez termos tido roupa...
sinto as tuas mão na cintura...
a tua pele e a minha encontram-se.....
dás-me de novo as tuas mãos...
deitas-me num leito que não vejo, que não sinto...
deitas-te a meu lado, percorres o meu corpo com tacteis carícias...
sinto o teu desejo e a ternura que me devotas...
o meu corpo arqueia-se num esgar de prazer irreprimível....
tocas-me o ventre, os seios...
o corpo maduro de mulher, toma contornos de virgem....
voltei à primeira vez....
tudo é novo...
tudo é fantásticamente novo!...

viro-me para ti....
quero-te!
Concavo e convexo...
os nossos sexos encontram-se.
Fundimo-nos.
Olhas para mim, com desejo, paixão, ardor.
Sinto um fogo a invadir-me.
O meu corpo deseja o teu.
Entrelaçamos de novo as mãos.
Sinto o balanço dos corpos que impõem um ritmo.
Finalmente acertámos...

Esqueço-me....
sinto-me possuída pela paixão, pelo prazer...
sinto-te sofrego a desbravar o meu corpo.
Toda a minha pele sentiu já a tua...
já conheço cada centimetro teu...
dizes coisas que não entendo...
mas não me preocupo... és meu...!
Reprimo os gemidos....
todo o meu corpo está entrelaçado no teu...
soltamos finalmente a vontade reprimida em anos e dificuldades....
já não pensamos no outro...
apenas em nós numa furia louca de prazer....
acho que estivemos séculos assim...
senti a eternidade que já vivemos.
Vidas passadas em que nos encontrámos tal como agora.
Tudo se explica.
Conheço-te.
Sei quem és e quem foste.
Sucumbimos ao cansaço... ficamos juntos... adormecemos...
Acordo numa madrugada que não percebo,
porque não percebi a noite,
nem o crepúsculo.
Olho para ti e sorrio.
Ainda dormes.
Agradeço-te em silêncio e uma lágrima de felicidade é reprimida.
Sinto-me forte para outra eternidade.
Dou-te um beijo e vou embora.
Segura de que voltarei a encontrar-te nesta ou noutra vida.

quinta-feira, janeiro 19, 2006

On-line... novamente...



Reconhecimento à Loucucura

Já alguém sentiu a loucura vestir de repente o nosso corpo?
Já.
E tomar a forma dos objectos?
Sim.
E acender relâmpagos no pensamento?
Também.
E às vezes parecer ser o fim?
Exactamente.
Como o cavalo do soneto de Ângelo de Lima?
Tal e qual.
E depois mostrar-nos o que há-de vir muito melhor do que está?
E dar-nos a cheirar uma cor que nos faz seguir viagem sem paragem nem resignação?
E sentirmo-nos empurrados pelos rins na aula de descer abismo se fazer dos abismos descidas de recreio e covas de encher novidade?
E de uns fazer gigantes e de outros alienados?
E fazer frente ao impossível atrevidamente e ganhar-Ihe, e ganhar-Ihe a ponto do impossível ficar possível?
E quando tudo parece perfeito poder-se ir ainda mais além?
E isto de desencantar vidasa os que julgam que a vida é só uma?
E isto de haver sempre ainda mais uma maneira pra tudo?
Tu Só, loucura, és capaz de transformar o mundo tantas vezes quantas sejam as necessárias para olhos individuais.
Só tu és capaz de fazer que tenham razão tantas razões que hão-de viver juntas.
Tudo, excepto tu, é rotina peganhenta.
Só tu tens asas para dara quem tas vier buscar!

Almada Negreiros

segunda-feira, dezembro 26, 2005

Futuro...Ilusão???


"Hoje não sou eu a pensar...
Esta foto...recordas-te??
O momento de angustia que passei...sofri...e chorei!
E tu...que me dizias...tem coragem, enfrenta!
E os meus olhos...não brilhavam...e a minha alma se apagava...
Mas TU...dizias-me, amiga...tudo é ilusão!
Agora dizes me Tu, que apenas o futuro é ilusão!!!!
Nem penses...enquanto olharmos para a linha do horizonte,
Seja passado, presente e futuro..Não passa de Ilusão!!!
Pronto...perceberam???
Não importa...também não é pensamento meu!!!
E mais...também quem vai ler...entende o que quero dizer."

"Monte Velho" porque o Cabeça de Burro é Suspeito (colheita seleccionada, 2002, 12,5%vol.)

Perdoem-me...mas deixei de pensar!!!
E pior que isso...deixei de sentir e acreditar!

Liberdade...


Foto de Rute

Como é bom sentirmo nos em liberdade....
Deixarmos de olhar para o horizonte e passarmos a olhar para céu...
Aqui..sim...deixa de ser ilusão!
Mesmo que se ande nas nuvens...
Vivemos em grande emoção...

Já agora...valia a pena pensarmos na próxima viagem...
Brasil, Angola, Timor, Macau, Moçambique...
Para qualquer parte do Mundo, menos aqui!

P.S Amanha, alguém me explica como se apaga um Post????

Bebam Cabeça de Burro...é bom...e sejam felizes!!!
SEJAM FELIZEZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ...mesmo sem cabeça de burro

terça-feira, dezembro 20, 2005

Não terá encanto a vida...

Foto de Fernando Dias
"Não deixes desfazer o sonho
Que te faz correr,
Que te faz sorrir,
Que te faz sofrer!
Não deixes morrer o entusiasmo
Que te faz criar,
Que te faz lutar,
Que te faz vencer!
Não deixes arrefecer o amor
Que te despertou,
Que te inquietou,
Que te apaixonou!
Com sonhos desfeitos,
Com esperança perdida,
Sem entusiasmo e sem amor,
Não terá encanto a vida..."
Mário Salgueirinho
Palavras de alguém que já partiu...


"Embora muito se perca,
muito se subsiste.
Embora não sejamos já aquela força que moveu
o céu e a terra,
somos o que somos.
Uma só força de corações heroicos,
enfraquecidos pelo tempo e pelo destino,
mas fortes na vontade de lutar,
procurar e alcançar e não se render."
A ti...a uma das estrelas que brilha no céu,
faço esta homenagem!






MBA University
Find MBA University Listings And More